Coronavírus (COVID-19): Veja as informações mais recentes do Ministério da Saúde sobre o COVID-19.

A escrita

Há futuro para a escrita?

Vilém Flusser

15716º
R$ 29,90

Vilém Flusser publicou A escrita em 1987, em alemão, na época de seu reconhecimento internacional como um importante teórico dos novos media, quando o chamavam de "o Walter Benjamin da pós-modernidade". Mas com esse livro Flusser junta as duas pontas da sua obra e articula a frase brasileira, marcada por uma especulação linguística e filosófica extremamente avançada, com a fase europeia, marcada pela observação dos novos meios de comunicação como "caixas pretas" inacessíveis ao homem comum.

Em A escrita, o filósofo tcheco-brasileiro investiga o papel da escrita na formação da cultura e da própria noção de "história", perguntando-nos se os códigos digitais substituirão a escrita e se então escrever deixaria de fazer sentido.

A questão é a seguinte: o que há de específico no escrever? De que maneira ele distingue-se de outros gestos semelhantes, do passado e do futuro - do pintar, do digitar? Há, em geral, algo específico que seja comum a todas as formas dos gestos de escrita - no cinzelar o mármore com letras latinas, no pintar a seda com ideogramas chineses, no rabiscar equações em placas, no datilografar um teclado de uma máquina de escrever? E como teria sido a existência, se tivessem desistido de escrever? Todas essas e muitas outras questões deveriam, naturalmente, ser dirigidas não apenas ao escrever em si, mas também ao ler o que foi escrito. (Vilém Flusser)

 

ler mais

COMPRAR na Amazon

Obs.: O preço exibido acima é a média do valor pago pelos Livristas que já possuem o livro e não tem relação com seu preço atual de venda.

Capa de A escrita - Vilém Flusser

Veja os exemplares deste livro encontrados nas bibliotecas dos Livristas: